Psicologia

A psicoterapia é a assistência psicológica que tem como objetivo tratar os sofrimentos psíquicos e resgatar a qualidade de vida biopsicossocial do ser humano. Visa ajudar a resolver os conflitos e promover autoconhecimento, crescimento e equilíbrio emocional.

Psicoterapia

  • Desaparecimento de sintomas;

  • Aumento de autoestima;

  • Restabelecimento do funcionamento existente antes das manifestações atuais de sofrimento;

  • Ampliação das perspectivas pessoais;

  • Substituição das defesas mais regressivas por outras mais adaptativas;

  • Abertura de novas possibilidades, um novo caminho.

  • Ajudar a pessoa a ter um conceito claro da sua intimidade;

  • Aumentar a visão interior do paciente.

 

Um Psicólogo pode ajudar qualquer pessoa – um executivo de uma grande empresa, um estudante ou um desempregado; crianças, adolescentes, adultos ou idosos; pessoas saudáveis ou que sofram de uma doença incapacitante ou até terminal; homens e mulheres de qualquer raça ou religião. Todos nós, por diferentes motivos e em diferentes momentos da nossa vida podemos beneficiar da ajuda de um Psicólogo.

Busque um psicólogo e se surpreenda com os benefícios que a psicoterapia  pode te trazer.
Invista em você!

Objetivos da Terapia

Psicossomática

 

Qual o significado de Psicossomática:  

Psico:  Mente  e  Soma: Corpo

Somatização é tudo aquilo que você não diz e a mente, não suportando a pressão do conteúdo armazenado, manifesta em forma de doença.

A doença é a forma que a pessoa usa para expressar seu desequilíbrio interior. Ou seja, o corpo se torna o abrigo dos conflitos não resolvidos.

É comum, nos casos de doenças psicossomáticas, que a pessoa enfrente dificuldades no diagnóstico e até insucesso dos tratamentos propostos, gerando uma passagem por vários médicos especialistas em busca da cura ou alívio.

Para que se faça uma doença faz-se necessário a presença de fatores predisponentes e desencadeantes atuando junto na mesma pessoa. São eles: Genética,  Psique e o Meio Ambiente.

Nosso corpo recebe impressões do que passamos na vida. A maneira como bloqueamos emoções, ora engolimos e não reagimos, ora nos deixamos levar pelo que os outros querem e não pelo que necessitamos. Tudo isso deixa nosso corpo marcado. Essas fissuras se tornam símbolos de que algo não está bem e consequentemente se transformam em doenças físicas e emocionais. É uma forma primitiva de expressão e de defesa. A pessoa fala com o corpo e com ele se defende. Com o corpo ela obtém atenção e cuidados; com o corpo ela exprime seus desejos e fantasias; com o corpo ela enfrenta as situações estressantes;  com o corpo também se recrimina e também se culpa. A pessoa faz então do corpo o palco para a expressão de sua angústia.

A ansiedade e a irritabilidade são sentimentos comuns nos quadros psicossomáticos, e há uma tendência a identificar e culpabilizar eventos externos pelo problema, aumentando a sensação de impotência diante das dificuldades.

Psicossomática é transformar energia emocional em energia física.

  • Distúrbios respiratórios: asma, rinite.

  • Distúrbios digestivos: úlcera, colite, doença de Crohn.

  • Doenças cutâneas: urticária, eczema, vasculite.

  • Reumatismos: artrite reumatoide, lupus, fibrosite.

  • Endocrinopatias: diabetes e hiper e hipotireoiidismo.

  • Doenças cardiovasculares: hipertensão arterial, AVC, enxaqueca,

  • Distúrbios do aparelho reprodutor feminino: tensão pré menstrual, amenorreia, menopausa, etc...

Doenças Psicossomáticas mais comuns

Características do paciente psicossomático

 
  • Ele joga as insatisfações para o corpo.

  • Articulação corpo-mente precária

  • Realistas - Sonham pouco

  • Trabalham muito (não tem contato com o cansaço físico)

  • Dificuldade com o afeto (não é vivenciado ou transformado)

  • Dificuldades de descrever emoções

  • Facilidade de descrever fatos

  • Não introjeta a figura materna como protetora

  • Superego bem fortalecido

  • Pensamento bem operativo

  • Carência de mentalizações

  • Sonhos realistas

  • Sonhos com o dia-a-dia

  • Ele é um psicótico que deu certo.

O ser humano para evoluir, infelizmente, precisa passar por um processo de sofrimento. O olhar da psicossomática tem que entender o corpo todo. A leitura de sua vida é você que faz. Crie o hábito de observar-se.

  • Onde está o desconforto na vida de seu corpo?

  • Há quanto tempo você sabe da sua existência?

  • O que é que ele lhe diz?

  • O que foi que você fez a respeito?

Quanto à orientação psicológica: há muitos casos que a pessoa não compreende que se houvesse uma orientação psicológica teria maior qualidade de vida. 

Existe a ideia que psicoterapia é para aqueles que tem problemas neurológicos, problemas cognitivos, déficit de atenção entre outros. Psicologia trata sim dessas questões, mas não são somente estas; ela é mais abrangente que isso.

Segue alguns motivos que podem levar a busca de orientação psicológica.

 

  • Repetição de comportamentos que trazem consequências ruins. As pessoas  tendem a repetir  certos comportamentos que geram sofrimento e consequências negativas.  Elas não entram contato consigo mesmo, se conhecem pouco ou/e tem muita dificuldade de aceitar os próprios erros.

  • Melhorar habilidades sociais. Ao desenvolver essas habilidades a melhora influencia em todas as áreas da vida da pessoa,  não só no ambiente de trabalho.

Orientação Psicológica

  • Dificuldade de concentração. Tanta tecnologia, muitas formas de comunicar, mais  estímulos visuais, aplicativos no celular e rede sociais. Todo esse movimento pode gerar dificuldade de focar, desenvolver tarefas no trabalho, manter conversas entres outras dificuldades.

  • Autoconhecimento. Quando nos conhecemos conseguimos lidar com situações de forma mais assertiva e mais consciente. Com o autoconhecimento você tem maiores chances de crescimento profissional, consegue reconhecer seus limites, maior capacidade de aprimorar e maior autonomia de gestão da própria vida e carreira.

Você não precisa ter algum transtorno mental para ir à terapia

É frequente ouvir: “Não sou louco para precisar de terapia”.

 

Acredite, há diversas razões pelas quais as pessoas vão para terapia, que nada têm a ver com distúrbios mentais.

Na realidade alguém que busca tratamento para se equilibrar de um conflito, é uma pessoa que tem discernimento para buscar uma melhor qualidade de vida, que busca obter ajuda e conversar com um especialista, assim como buscaria ajuda para qualquer outra questão médica, como um dentista se o problema for nos dentes”.

Pessoas com doenças crônicas com muito sofrimento são particularmente resistentes a uma abordagem psicoterápica: é preciso saber lidar com seu desalento e ajudá-las a dar uma oportunidade a si mesma.

Mais do que ouvir problemas, o psicoterapeuta está ali para ressignificar experiências e isso, pode crer, faz tudo mais valer a pena.

BAIGANI

CONTATO

Rua Monte Serrat, 1238

São Paulo - SP 

Email: baigani@baigani.com.br

Tel: 11 2092-7160

WhatsApp: 11 95025-7154

  • Instagram
  • Facebook

© 2020 by Baigani Fisioterapia Integrada - RE 7978-SP

Horário de Funcionamento

Seg - quin         07:00 às 21:00

Sexta                 07:00 às 16:00

Dúvidas, mais informações e Agendamentos 

Nos mande um WhatsApp